sexta-feira, abril 24, 2009

O POBRE, O BURGUES E A SUPREMA ARROGÃNCIA

De um o lado o Pobre, Trabalhador e Negro: Joaquim Benedito Barbosa Gomes ministro do Supremo Tribunal Federal do Brasil desde 25 de junho de 2003, quando nomeado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. É o único negro entre os atuais ministros do STF. É o primogênito de oito filhos. Pai pedreiro e mãe dona de casa, passou a ser arrimo de família quando estes se separaram. Aos 16 anos foi sozinho para Brasília, arranjou emprego na gráfica do Correio Braziliense e terminou o segundo grau, sempre estudando em colégio público. Obteve seu bacharelado em Direito na Universidade de Brasília, onde, em seguida, obteve seu mestrado em Direito do Estado.

Do outro lado o Rico, Empresário e Branco: Gilmar Ferreira Mendes nomeado ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) em 20 de junho de 2002, por indicação de Fernando Henrique Cardoso (PSDB), então Presidente da República do Brasil. Desde 2008, é o presidente do Supremo Tribunal Federal do Brasil (STF).

Em artigo publicado na Folha de S. Paulo, em 2002, o professor da Faculdade de Direito da USP, Dalmo de Abreu Dallari , professor catedrático da UNESCO na cadeira Educação para a paz, Direitos Humanos e Democracia e Tolerância, declarou: "Se essa indicação vier a ser aprovada pelo Senado, não há exagero em afirmar que estarão correndo sério risco a proteção dos direitos no Brasil, o combate à corrupção e a própria normalidade constitucional. (...) o nome indicado está longe de preencher os requisitos necessários para que alguém seja membro da mais alta corte do país.

Segundo o jornal Folha de S. Paulo, para conseguir ter sua indicação aprovada no Senado Federal, Gilmar Mendes precisou contar com uma "mobilização tucana": "registros do Senado mostram que a base de apoio ao governo tucano se mobilizou para garantir aprovação do de Mendes para o cargo. Teve 15 votos contrários à sua efetivação, o triplo do segundo candidato ao posto com maior rejeição, o ministro Eros Grau.

Entre eles uma batalha verbal reveladora: O povo contra o ditador; A sabedoria contra a arrogância; O espirito guerreiro do trabalhador contra a arrogância suprema dos burgueses fétidos; O vencedor contra o oportunista; A liberdade contra a opressão; A justiça contra demencia.

Que o universo continue a cosnpirar a favor dos Grandes e dos Heróis. Viva LULA, Salve JOAQUIM.


Rui Alvacir Netto

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...