quarta-feira, dezembro 05, 2012

A GUERRA CONTRA A ESQUERDA NO BRASIL....

Lincoln Secco: A guerra contra a esquerda no Brasil

Os recentes atos públicos contra o julgamento político a que foram submetidos dirigentes petistas como José Dirceu e José Genoíno levaram setores da grande imprensa a tentar pautar o Partido dos Trabalhadores e o próprio governo Dilma, sugerindo que não lhes interessaria a defesa de réus condenados, pois eles pertenceriam ao passado.

Por Lincoln Secco, no blog Viomundo

Todavia a esquerda, e não só a do PT felizmente tem outra avaliação. A judicialização da política e a politização da justiça aprofundam a repressão seletiva contra os movimentos sociais, restaurando práticas superadas na história do Brasil. A esdrúxula interpretação que o STF concedeu à assim chamada teoria do domínio do fato poderá e provavelmente será usada contra o MST, o movimento estudantil, os sindicalistas etc.

Trata-se de uma inflexão que se põe na contramão do avanço democrático conquistado pelo país desde o fim da Ditadura Militar.

Entre nós, também a democracia passou a ser vista como um valor universal e se tornou cada dia mais difícil julgar os opositores segundo critérios assumidamente políticos. Como também se faz mais difícil manter políticas econômicas de gerenciamento de crises contra os trabalhadores por governos eleitos regularmente. Na arena militar tornou-se contraproducente defender guerras de agressão e de conquista dirigidas por “Estados Democráticos”.

Para contornar essas dificuldades, a primeira “solução” encontrada consiste em ver a economia como se fosse uma organização natural. Assim, as eleições se limitariam à escolha de gestores com maior ou menor sensibilidade social. A gestão da economia deveria ser encaminhada por técnicos e por funcionários de bancos centrais “independentes”.

A segunda saída dentro da “democracia” levou à retomada do conceito de guerra justa, praticada supostamente em nome de valores universais. As guerras contra Iraque, Afeganistão, Líbia, Síria e Palestina foram “justificadas” a partir dessa doutrina.

A terceira, e que mais nos interessa no momento, consiste na tentativa de transformar demandas sociais e políticas em questões similares à da justiça comum. Trata-se de um retrocesso, até mesmo em relação ao velho Presidente Washington Luiz, que explicitava o caráter repressivo de seu governo admitindo que a questão social era caso de polícia. Mas é também um retrocesso perante as práticas da própria ditadura militar a qual distinguia presos políticos e comuns.

Cabe reconhecer que se trata por outro lado, de um avanço da sofisticação das formas de dominação. Assim como a economia é naturalizada e a guerra é “humanizada”, a ação política é limitada e penalizada pelo ordenamento jurídico que se justifica em nome de um suposto conteúdo “ético”.

Que o PT e o atual governo tenham se iludido acerca da correspondência necessária dessas manifestações com a atual fase de desenvolvimento do capitalismo não nos deve surpreender. Eles fazem parte do sistema no qual se colocam como polo antitético interno. A atual crise revela mais uma vez que o capital e seus governos buscam conter a queda da taxa média de lucro através da destruição de direitos duramente conquistados pelos trabalhadores. Claro, em nome da racionalidade econômica, da democracia e do Direito.

Afinal, ninguém pode reclamar da taxa de juros, posto que ela é um preço que se autodefine no mercado como qualquer outro. Ninguém deve se insurgir contra as agressões imperialistas, já que elas são intervenções humanitárias. E quem vai se levantar para defender “criminosos comuns”?

Que um julgamento seja um “marco histórico” justamente com dirigentes do PT no banco dos réus; que ministros do STF, numa simbiose estranha com os meios de comunicação tenham cobertura televisiva de celebridades; que racistas contumazes tenham recentemente descoberto num negro um herói de ocasião; que o cerne da tese do Procurador Geral da República seja comprovadamente falsa; que os crimes eleitorais de alguns dos acusados (graves em si mesmos) tenham se transformado “em maior atentado à República”; que o Ex-Ministro José Dirceu, contra quem não se encontrou prova alguma, seja o mais gravemente apenado de todos os deputados julgados; tudo isso seria cômico se não fosse apenas o anúncio de uma guerra de extermínio contra a esquerda.

A maioria do eleitorado rejeitou o uso político de escândalos e literalmente votou contra o STF. Que juízes em nome de leis casuísticas possam cassar mandatos populares de pessoas eleitas pelo povo é um exercício de autoritarismo inédito em nosso país. A atual configuração da lei eleitoral procura tutelar o eleitor, considerando-o inapto para exercer seu democrático direito à livre escolha de seus representantes. Parte-se do primado “iluminista” de que os eleitores estão mergulhados nas trevas e não conhecem o passado e as ações dos candidatos. Mas, em nome de que princípio um juiz se arvora o direito de cassar a vontade popular?

É evidente que toda justiça corresponde à ideologia dominante, mas ela deve repelir a violação de ritos processuais que garantem a sua aparente neutralidade. A politização explícita da justiça cobrará o seu preço porque a história não para. Chegará o momento de limitar o mandato dos juízes e exigir sua escolha mediante eleições diretas. Que se comportem como políticos é mais do que normal. Mas não que sejam ditadores vitalícios.

7 comentários:

  1. Ari Velho

    00:44 (6 horas atrás)

    para mim
    Ari Velho deixou um novo comentário sobre a sua postagem "A GUERRA CONTRA A ESQUERDA NO BRASIL....":

    Caro Rui,
    Sobre "politização da justiça" o que acha do fato de a maioria dos 11 ministros terem sido proceduralmente indicados pelos últimos presidentes LULA e Dilma no caso do mensalão(Fux, Ayres Britto, Rosa Weber, Toffoli, Peluso, Lewandowski, Carmen Lúcia, Joaquim Barbosa(o algós do PT) sendo apenas 1(um) de FHC- o Gilmar Mendes)... teoria sem fundamento, se tivesse o PT sairia melhor deste julgamento, não acha?

    O grande problema da oposição não são as realidades cobradas por eles, mas o simples fato de serem oposição...

    Lembra da época que o PT era a oposição??... era o santo que desceria dos céus para vingar os pecados da direita... dos privatizadores... dos bajuladores à banqueiros... dos corruptos... agora, tadinho do PT, pagando com a própria língua e com os próprios atos... sendo perseguido pela atual oposição... levando coronhadas na cabeça a todo o momento... culpando o STF com argumentos de "judicialização da política e a politização da justiça", culpando como sempre a imprensa...

    Aliás, a PIG (sigla inventada por Paulo H Amorin, aquele convertido para a igreja universal...aquele que foi demitido da Globo, do portal IG, tem mais de 40 processos criminais, é investigado pela Polícia Federal e o Ministério Público Federal, pelo STF..(Operação Satiagrah), praticou crime de racismo a Heraldo Pereira (Rede Globo).

    Perseguia LULA quando era um mero candidato a presidencia e hoje usa sua artilharia midiática em defesa do governo do PT... daí surgiu no rigor jornalístico em suas matérias (em detrimento da globo) um quadro do Domingo Espetacular que é cópia do Fantástico (que acho...só passou no final) de tão "importante" que era... falando em defesa dos fãs do pica-pau... que idiotice... que atraso... só porque um diretor da Glogo fez um comentário (NA INTERNET) sobre o desenho do Pica-Pau... enquanto a globo como sempre (sem o dinheiro do dízimo dos fiéis da igreja universal) na vangarda... em termos técnicos (não ideológicos... tal premio vai para a record).

    A globo (QUE TAMBÉM NUNCA FOI SANTA) sempre foi a peste do Brasil, e agora vem a Record e o PT criar a nova mídia... junto com Carta Capital, Carta Maior, Luis Nassif, Rodrigo Vianna, Mino, Delfim, Lalo Leal etc, etc e etc... .Claro, muitos destes com ódio por serem demitidos da Globo, vão para outro canal... aquele que é uma rede Globo enrustida... possívelmente teríamos também um quadrinho de carinhas com os 10 mais da (PIG) (Partido da Imprensa Governista)... que ironia a minha!

    Sempre existe oposição meu caro... se existe Veja, existe também Carta Capital, Revista do Brasil... se existe Globo, existe Record... se existe Willian Bonner,Kamel existe Paulo Henrique Amorin... é só escolher o lado, pois têm vaga pra todo mundo.

    Imparcialidade?Transparência?

    Huhum... E o Papai Noel existe!


    Postado por Ari Velho no blog Lages, na Real em 7 de dezembro de 2012 00:44

    ResponderExcluir
  2. Caro Ari...

    Que amontoado de besteiras... decepcionante.. ate mesmo para mim... quem jamais esperarei de você algum posicionamento lúcido em relação ao PT ou a esquerda...

    Releia o amontoado de bobagens que você escreveu... e... honestamente... perceba que você nada mais é do que um subproduto nada criativo do PIG.

    Alias um subproduto... as vezes... como neste texto... sem nenhuma qualidade...

    Eu que tenho tido convivido nos ultimos meses com pessoas imensamente arrojadas, independentes, inteligentes e empreendedoras... poderia terminar meu final de semana sem essa decpção...

    Este teu artigo foi decepcionante... em todas as tuas analises... aliás... muita delas cheias de erros... preconceitos... e julgamentos pessoais distorcidos, manipulados, carregados de desinformação...

    Reveja-as.. faça um bem ao teu próprio intelecto... Para mim é mais um comentário que ignorarei...

    Tenha um bom final de semana.. o meu começara as 12,30h de hoje.. e será excelente...

    ResponderExcluir
  3. Ari Velho

    7 dez (6 dias atrás)

    para mim
    Ari Velho deixou um novo comentário sobre a sua postagem "A GUERRA CONTRA A ESQUERDA NO BRASIL....":

    Como adoro, vou replicar de baixo para cima, ok?

    Tem certeza que as ignorará? com todo este antagonismo?

    Decepção? costuma se decepcionar também dos dos que divergem de ti?
    Não, porque eu só me decepciono com pessoas que tem, ou tinham algum valor...vai ver o Sr. antes desta decepção, já tinha uma admiração...confessa.

    E a convivência com tais pessoas, foi somente nos últimos meses? Para uma pessoa entre 50 e 60 é uma decepção têlas encontrado só agora... poderia ter começado antes.

    Ok, O Sr. se acha tudo em contrário a mim, não é: não erra, não é preconceituoso, não faz julgamentos pessoais, não dirtorce, não manipula, não desinformou - nunca - nem só mesmo uma vez nos seus imensos Posts de CTRL+C CTRL+V..

    E o Sr. Rui é subproduto de quê?

    Para o Sr. descobrir tudo isto, vou dar ao Sr. o mesmo conselho que me deu: não só este post, mas todos os que já publicou... ou republicou... RELEIA-OS!

    Postado por Ari Velho no blog Lages, na Real em 7 de dezembro de 2012 15:19

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde Ari...

      Como tem sido os teus dias???

      Os meus estâo ótimos.. quando pensei que a maratona de projetos tinha chegado ao fim... heis que aparecem mais dois de ultima hora.. e nâo pude deixar de encarar mais este desafio.. fazer 2 projetos em 4 dias..

      Como estoi imprimindoo último para enviar a Petrobras... enquanto imprime estou aqui dando uma atenção ao BLOG... que ficou esquecido estes dias...

      Voce esta ficando cada vez mais reacioario... escreva menos.. tenha cuidado para não cair no rídiculo.. sempre ha tempo para a mudança...

      Tenha um outro bom final de semana...

      Excluir
  4. Ari Velho

    00:17 (10 horas atrás)

    para mim
    Ari Velho deixou um novo comentário sobre a sua postagem "A GUERRA CONTRA A ESQUERDA NO BRASIL....":

    Buááááá!!!

    Que tristeza Rui, você não cansa mesmo deste rótulo simplista e limitado...

    Só por que, a cada dia tenho mais certeza que Lula não vale taaanto assim, e não voto no PT (talvez nunca mais...talvez), não quer dizer que me contraponho, revogo, que sou antiprogressista ou antirevolucionário... subversivo com o mundo, com as pessoas, com o sistema político... sai dessa cara, vire o disco... Cresça!

    Me considero defensor de verdadeiras mundanças sociais e adoria ver o país no mínimo, caminhando neste sentido... Agora, não venha me dizer que tenho que mudar... no sentido de... mudar para uma esquerda mascarada com esta dos dias de hoje...

    Isto aí nunca foi esquerda, está longe de ser... o que vejo são um bando de desesperados sempre culpando os outros (a imprensa e a a oposição) pelos seus erros e suas atitudes alopradas... Como já dizia Nelson Rodrigues: "Sou reacionário! Minha reação é contra tudo que não presta".

    Enquanto isso, continue me rotulando, não ligo... eu prefiro pensar que tenho capacidade de discordar daquilo que acho que não devo concordar... Sigo meu próprio caminho, ao invés de seguir o caminho da esquerda ou da direita ou qualquer idéia-ZINHA que tentem impor por aí...

    E ridículo meu amigo, é um ex-presidente sair pela porta dos fundos das conferências, de alterar os layout's de auditórios... Ué, quem não deve, não teme?

    E tenha uma boa sexta-feira... o fim de semana também!

    Postado por Ari Velho no blog Lages, na Real em 14 de dezembro de 2012 00:17

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Ari...

      Sem tréplica... parabens por ser um defensor de verdadeiras mudanças sociais... que tuas obras tornem-se visiveis.. e promovam a justiça social... Que tuas obras eejam mais efetivas que tuas frágeis e estéreis palavras...

      Tenha um bom final de semsna.. a minha ja esta sendo excelente...

      Excluir
  5. Rogerio Floripa
    18:20 (3 horas atrás)

    para mim
    Rogerio Floripa deixou um novo comentário sobre a sua postagem "A GUERRA CONTRA A ESQUERDA NO BRASIL....":

    Baixar o Documentário - A Guerra Contra a Democracia - http://goo.gl/YQ5YY

    Postado por Rogerio Floripa no blog Lages, na Real em 15 de março de 2013 18:20

    ResponderExcluir